Ir para o conteúdo

Câmara Municipal de Matão e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Câmara Municipal de Matão
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
AGO
26
26 AGO 2023
Projeto cria "Patrulha Maria da Penha" para monitorar a segurança das mulheres vítimas de violência doméstica
enviar para um amigo
receba notícias
Propositura prevê a realização de visitas periódicas às residências para verificar o cumprimento de medidas protetivas
A Câmara de Matão aprovou o Projeto de Lei nº 143/2023, de autoria do vereador Davison Sensei, que cria o programa “Patrulha Maria da Penha”, a fim de prevenir e erradicar a violência doméstica e familiar contra a mulher, por meio da fiscalização e monitoramento da segurança das mulheres vítimas de violência física e psicológica no município de Matão.

Segundo o projeto, o programa consistirá na realização de visitas periódicas às residências de mulheres em situação de violência doméstica e familiar, a fim de verificar o cumprimento das medidas protetivas previstas na Lei Maria da Penha. Essas visitas serão realizadas pela Guarda Civil Municipal, assistentes sociais e psicólogos.

“De acordo com levantamento da Agência Brasil, em agosto de 2022, uma a cada três mulheres acima de 16 anos já sofreu violência sexual ao longo da vida, o que significa um terço da população, totalizando mais de 21,5 milhões de pessoas. Se considerarmos a violência psicológica, 43% das mulheres já sofreram abuso no país”, ressaltou o autor da propositura, Davison Sensei.

Para o vereador, esses dados evidenciam a real necessidade do desenvolvimento de políticas públicas para a proteção social, física e psicológica dessas mulheres. “Esse projeto terá como base um trabalho de prevenção e acompanhamento de mulheres em situação de violência doméstica e familiar, tanto no encorajamento na realização de denúncias, como no monitoramento do cumprimento das medidas protetivas de urgência e medidas judiciais contra os agressores”, completou o vereador.
 
Seta
Versão do Sistema: 3.4.0 - 05/02/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia